Abordagem Pikler

A abordagem Pikler vê o bebê com competência e potencial relacional desde o nascimento. Os momentos do cuidar são considerados como os momentos ideais para a construção do vínculo afetivo, fundamental na constituição subjetiva.

Outro ponto fundamental é a importância da atividade autônoma do bebê, que deve brincar a partir de sua própria iniciativa e se movimentar com liberdade, conquistando por ele mesmo as etapas psicomotoras.

Esta abordagem foi desenvolvida pela médica pediatra húngara Emmi Pikler, na década de 40, em Budapeste, a partir de seu trabalho de aconselhamento de mães e de suas experiências como diretora de um abrigo de órfãos criado no final da Segunda Guerra Mundial, conhecido hoje como Instituto Pikler. Deste esforço resultou a educação de bebês que puderam recuperar a condição humana como sujeitos sadios do ponto de vista físico e emocional, sem apresentarem sequelas. A constatação foi provada por pesquisas que acompanharam os bebês até a fase adulta.

Clique e conheça nossa Oficina de Movimento Lúdico para Bebês ou nossa Formação de Educadores: Diálogos com a Abordagem Pikler.

Brincar Livre